13 de maio de 2011

Comofas? Relacionamentos à distância


Andei notando muitos relacionamentos na minha timeline por esses últimos meses, então resolvi encarnar a conselheira amorosa e dar meu depoimento e opinião esdrúxula sobre relacionamentos à distância!

Começo abrindo os olhos de vocês: Relacionamento à distância não é pra quem pode, é pra quem quer.


Funciona SIM, desde que vocês mantenham algumas coisas sob controle: o ciúme e a conta bancária, por exemplo. Já explico...



Essa coisinha ruiva que vos fala aqui mora em Porto Alegre, e namora uma coisinha linda que mora em São Paulo. Nos conhecemos basicamente pela internet, intensificamos as conversas, nos encontramos pessoalmente, depois de novo, e agora namoramos. Digamos que foi amor à primeira twittada. Enfim! Mais de mil quilometros nos separam agora. Eu trabalho e estudo aqui, ele lá tem a vida dele e sua rotina. Quando nos vemos, o tempo é curto, e a despedida dói. Mas amor é amor, em qualquer lugar, em qualquer distância. Somos extremamente apaixonados (NÉ AMOR? É NÉ? Se disser que não, vai ver só).


Ok, pulando a parte do amor...
Existem fatores básicos que você precisa controlar bem pra manter um relacionamento à distância:


• CONFIANÇA: Se você não sabe ou não consegue confiar na pessoa, DESISTA. Acredite, se ele escolheu ficar com você apesar da barreira do espaço físico, é porque realmente está comprometido com a causa. Como em qualquer outro relacionamento, confiança e respeito mútuo são essenciais.


• CIÚME: Pode ter ciuminho, é normal, faz até bem. Não pode é colocar minhocas na própria cabeça, tipo "enquanto eu to aqui longe, ele tá num bar com os amigos e deve ter um monte de vadia dando em cima dele lá". Se você acha que o cara te namora à distância só pra poder sacanear quando tá sozinho, termina logo. Tortura não, né, colega?


• PAIXÃO: Não deixe que nada afaste vocês apesar da distância. Não fique um dia sem falar com a pessoa e demonstrar seu amor por ela, é importante para que as coisas não esfriem e você não abra espaço pra uma das vadias do bar citado acima. Pode ser que seu namorado nem olhe pra elas, mas como eu sempre digo: não vamos dar sorte ao azar! Muito amor no telefone, MSN, skype, twitter, facebook, muitas fotos safadinhas no email dele...

• CONTA BANCÁRIA: Taí a parte que eu fiquei de explicar. Minha vó dizia que “quando a miséria entra pela porta, o amor sai pela janela”. Isso é totalmente aplicável aos relacionamentosà distância. Afinal, haja amor para suportar os gastos com passagens, hospedagem, comida, passeios, etc. O ideal é fazer um acordo. O meu por enquanto é intercalar: eu vou, depois ele vem. No meio disso, viajamos pra outra cidade juntos.



Só não tem sido melhor (no caso do meu relacionamento) por que não é tão frequente quanto gostaríamos. Mas temos nossos planos pro futuro. Isso por que temos certeza do que queremos, estamos dispostos à arriscar. Eu ainda tô aprendendo a lidar com a distância, mas sei que vale a pena e sim, eu QUERO. Gente, [momento declaração] esse é o homem da minha vida! Meu futuro marido, pais dos meus filhos e se ele terminar comigo eu volto aqui e edito o post. [/fim do momento declaração].

A saudade é dura, castiga, é um dos sentimentos mais dolorosos. Muitas vezes dá vontade de abandonar o barco e fugir, principalmente essa nossa geração Y, que quer tudo pra ontem. Nessas horas a gente tem que pensar a longo prazo e abstrair um pouco o presente.

Veja o lado positivo disso tudo: aproveite o tempo livre para estar perto da família e dos amigos, socializar um pouco mais, fazer um cursinho, yoga, balé, pole dance. Quem tem o amor por perto, grudado 24 horas por dia, não tem tempo para fazer essas coisas.

Por último: Não coloque a culpa no outro se não der certo. Não é fácil e precisa de uma extrema maturidade pra dar certo. Se vocês dois sabem e querem correr o risco, saibam que existem pedras no caminho. Mas dá sim pra levar em frente.




Distância não é nada quando alguém significa tudo pra você.

E sabe o que é melhor nessa história toda? Descobrimos um site muito legal pra você zarpar por aí com seu amor, curtindo muitas viagens com vários descontos! Clica aqui e saiba tudo sobre a melhor invenção pra quem gosta de viajar e curtir!

25 comentários inúteis:

  1. rsrs... Me senti amiga intima da Alice!
    Acho que todo mundo que ler, vai sentir o mesmo.
    ahsuahsua
    Adorei o post!
    =)

    ResponderExcluir
  2. ai que triii!!!!!!amei o post,Alice....

    ResponderExcluir
  3. Resumindo :

    Tenha sempre dinheiro;

    Mande muitas fotos safadas pra cair no e-mail dos amigos caso o namoro termine um dia;

    Diga que ama com toda convicção do mundo, mesmo que o namoro tenha apenas alguns meses.

    Sufoque ele de tanto ligar, mandar recado no facebook, twitter, etc. pra não correr o risco dele olhar pra nenhuma mulher, afinal todas as outras mulheres fora você, são vadias.

    Mas acima de tudo, seja feliz.

    ResponderExcluir
  4. Legal o post...
    Mas só por curiosidade, desculpa se tô me metendo muito, mas há quanto tempo vocês estão juntos?
    Nunca consegui levar um relacionamento a distância muito tempo, por isso tenho essa curiosidade...

    ResponderExcluir
  5. lindooo post!
    Adorei porque vc tá apaixonada mas não tá a loka perdida das ideias.

    Nos conhecemos basicamente pq eu namorava um conterrâneo seu!!! E queria fazer troca de familia, lembra?rss

    Mas não é fácil não, tem que ter disposição, tem que ter habilidade, e mais jogo de cintura que para dançar o créu!!
    O meu relacionamento durou dois anos e 10 kg a menos (tudo bem que agora já engordei 4 de volta, coisa de namoro em SP.rs)mas me fez amadurecer MTO, ver o lado bom dos namoros, ser mais calma e paciente! Foi mto bom mesmo

    Aproveite sua familia e amigos dai, mas qdo vier pra cá vamos dividir a atenção com o seu namorado!!

    ah sim, espero que ao final da faculdade vc venha morar aqui!!!!!!
    Beijus lindaaa

    ResponderExcluir
  6. - Adalberto, é isso aí mesmo. KKKKKKKKKKKK

    - miladurando: pouco tempo. Mas nenhum namoro meu durou menos do que 2 anos, e esse tende o mais longe (vulgo PRA SEMPRE). Mas tem gente que nao consegue manter, não adianta, é uma coisa muito pessoal.

    -JuMi: Meus planos eram de me mudar pra SP no final da faculdade, mas talvez ele venha morar aqui e a gente fique em Porto mesmo :)

    ResponderExcluir
  7. Adorei o blog, seguindo. Se puder segue também: juuhbellusci.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Texto muito bom.
    Concordo com várias partes e quem quer, faz mesmo.
    Parabéns.

    ResponderExcluir
  9. Ameeei o post... eu tenho que conviver com iso no meu dia a dia, e difcil mas e a unica forma..pois nos dois temos nossa obrigações..mas muuit ocnfiança um no outro...

    ResponderExcluir
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  11. Eu namoro a quase 2 anos à distância. Ele mora em Porto Alegre, e eu em Bagé (vc deve saber onde fica), a 400 km de distância. Nos conhecemos num jogo de tiro (Counter Strike), trocamos msn e assim o amor começou.

    Eu tenho 16 anos e ele 17. É MUITO difícil namorar a distância, e como ela disse, não é pra quem pode, é pra quem realmente quer.

    Tem que ter MUITO amor, MUITA confiança, MATURIDADE (que vem com o tempo) e alguma estabilidade financeira, pois há gastos com passagens etc.

    Por mais novos que sejamos, nós queremos ter uma família juntos, temos muitos planos pro futuro.
    Ele é o amor da minha vida, e como ele diz, eu sou o amor da vida dele (AMÉM). Não tenho palavras pra dizer o quanto eu sou FELIZ, e já não sei o que seria de mim sem ele :(

    Bom, Boa Sorte pra nós né Alice. E tomara que os nossos sonhos se realizem. Bjs :*

    ResponderExcluir
  12. Nossa, que bonito, Lara!
    Sei sim onde fica, mas vc até tem sorte... De Bagé à Porto Alegre é mais fácil que POA-SP :(
    A distância machuca mesmo, e eu tambem to nessa onda: não somos mais tão NOVOS, mas queremos ter uma família.

    Bom que vc já tá há quase 2 anos! Que dure muito mais, mas que seja mais perto né!

    Pra completar esse post, lembrei ontem de um belo exemplo: tenho uma amiga que morava na Argentina e o namorado dela aqui em Porto Alegre. Namoraram por 4 anos, se vendo pouco e resistindo bravamente, até ela vir pra cá. Agora estão casados e morando aqui há quase 1 ano. Quem pode, faz né :)

    ResponderExcluir
  13. Concordo Alice,tbm tenho o mesmo dilema,o amor mora em outra cidade,mas não passa dos 200KM de distância e nos vemos todo final de semana,mas mesmo assim,parece uma eternidade enquanto não chega a sexta-feira!
    Boa sorte para todas apaixonadas como nós ;)

    ResponderExcluir
  14. Nossa, parece um sonho tão distante :(
    Tomara que passe rápido pra todas nós que esperamos esse futuro, aparentemente, tão perfeito e que valha a pena todo esse sofrimento e muitas lágrimas...

    ResponderExcluir
  15. Ahhh o amor a distância...
    Conheço meu namorado a 6 anos. Ele em SP, eu no MT. Entre idas e vindas, encontros, desencontros e o finalmente, estamos juntos a quase 1 ano. O primeiro encontro foi lindo! (Aiai, haja coração!) A despedida é sempre terrível!! (Ai ai meu coração... agora na páscoa quase não consegui voltar, só eu sei como foi difícil sair daquele abraço. =/ .)
    É muito difícil lidar com sentimentos como o ciumes... eu as vezes dou umas deslizadas nisso, mas nada que não se aprenda com o tempo. Pura doidera né, pq confio muito nele.
    Se tudo der certo, do jeitinho que estou planejando, agora em agosto eu me mudo pra SP!! IUPIIII!!!!!
    Muita felicidade pra todas nós, pq vi que temos várias mulheres na mesma situação, e força!!!!

    ResponderExcluir
  16. Ahh cai no blog de paraquedas, na verdade uma amiga publicou uma foto do seu namorado, fui curiar, e acabei chegando aqui e adorando!!! (shame)

    Mas, falando do assunto do post, namoro a distância também, conheci um carinha pela internet, eu amava o blog dele, e acabei fazendo amizade, ficamos, separamos, ficamos, separamos, ficou indefinido durante 3 anos principalemtne por causa da distância. Mas no começo deste ano decidimos ficar juntos. Agora temos maturidade e principalente condição financeira de nos vermos sempre, então está dando muito certo.

    Concordo com o que você disse nos tópicos acima, a confiança é primordial, ciúmes sim, paranóia nunca!!!! Nunca deixamos de ter contato, telefone, sms, sinal de fumaça, nos falamos por skype pelo menos 2 vezes por semana, enfim, tudo para ficar perto!!!!!!

    ResponderExcluir
  17. Tô achando muito bacana a história que vcs compartilham! Sensacional!

    ResponderExcluir
  18. Nossa,me identifiquei muito com esse post :)
    Sou noiva do homem da minha vida há 3 anos,ele trabalha em Angra dos Reis - RJ e eu moro em São Paulo - Capital; Nos vemos a cada 15 dias ... a distância dói,mas o amor supera . Desejo tudo de melhor à vocês . :)

    ResponderExcluir
  19. Amei esse post, quando vejo histórias assim vencerem barreiras meu coração se enche de esperança!
    Estou amando e sou amada por um rapaz que ainda nem conheci pessoalmente(o fator bolso está atrapalhando bastante!), mas não desistimos, pois o amor é mais forte.

    ResponderExcluir
  20. Gostei dos pés-no-chão, apesar de ñ ter uma experiência assim, acho bacana q existam histórias desse tipo... Não creio que me adaptaria, porém, desejo muita sorte, amor e uma conta bancária recheada...rsrsrs!!Afinal, O MUNDO PRECISA DE HISTÓRIAS FELIZES!

    ResponderExcluir
  21. Parabéns pelo post Alice! Sigo o Agora Já Falei e tô torcendo muito por vcs... um dos casais mais fofos do twitter! haha
    Vivo um relacionamento assim também, só que ele morando na Austrália e eu em Brasília... A saudade é uma filha da mãe mesmo, mas quando há amor de verdade e você sente que é a pessoa certa, nada disso impede... tenho certeza que se não gostasse dele como gosto não viveria um relacionamento a distância é bem como vc disse, não é pra quem pode, é pra quem quer...
    Felicidade pra gente né colega? haha
    Beeijos. Eliane.

    ResponderExcluir
  22. "Distância não é nada quando alguém significa tudo pra você. "

    Até roubei para o meu msn... para minha namorada ler e perceber que a distancia que nos separa nao é nadinha (*-*
    Mando bem Girl ^^

    ResponderExcluir
  23. Também moro em Porto Alegre, mas meu namorado está em Portugal... já temos 2 anos de namoro, agora, e nos vemos mais ou menos 1 vez por ano (na teoria, vamos nos ver pela segunda vez agora em julho) e também vamos intercalando

    Adorei o post, muito engraçado, como sempre xD

    Beijos

    ResponderExcluir
  24. Alice, caí no seu blog, pois estou lendo tudo que posso sobre isso, em partes para poder ver a opinião e experiência de outras pessoas... Olha minha situação: Conheci o moço quando morava em SP, mas eu estava de mudança para Campo Grande/MS, mudei... Continuamos nos falando, escrevendo, conhecendo... Resumo: Começamos a namorar e eu amo tanto ele, planejamos nos casar no ano que vem, comprar apartamento... Já vai fazer 01 ano desde que assumimos nosso namoro, eu em Campo Grande e ele em São Paulo. Faz 04 dias que ele se mudou (por conta do trabalho) para São Luís/MA e a distância triplicou... Ele vai ficar lá por uns 03 meses e já planejamos passar Natal e Réveillon juntos, mas olha guria... Meu coração está muito apertado, a distância é maior, é tudo mais caro, é tudo novo de novo (afinal é a 1° vez que namoro à distância)... E sim, me vem na cabeça pensamentos terríveis que me motivam a sair fora disso... Aí penso a longo prazo e penso que está perto de terminar a distância é só uma questão de nos organizarmos... Só que ainda assim é muito estranho... Adoraria conversar mais com alguém que vive o mesmo que eu e trocar idéias e experiência... Topas?
    Um grande beijo e parabéns pelo blog..
    Também escrevo em um blog de moda e sustentabilidade... Passa lá: http://escambofashion.blogspot.com/

    Obs.: Esta conta do google é antiga e não uso mais! Foi só para postar o comentário mesmo!

    ResponderExcluir
  25. Alice eu pesquisando sobre o assunto e acabei caindo no blog, bom ja faz um tempo o ultimo post.

    Vou contar um pouco da minha história haha..
    Eu a conheci pela net quando ainda ela tinha 15 anos e eu 20.
    Mas como eu era meio da bagunça nao dava mta atençao ao sentimentos pelo fato da distancia.
    Foi quando começei a ver as coisas de outra forma.
    HJe nos conhecemos a 3 anos e eu sou de SP e ela do RS. E realmente é mto jogo de cintura, confiança..e temos que mudar nossas prioridades.Sempre procuramos agir dessa forma ligando um para o outro ..contar os acontecimentos enfim ao mesmo tempo longe ..mas sempre por "perto" e hje sou feliz, ela me mostrou a vida de uma outra forma..com mais responsabilidade.
    Estamos cheios de planos e se Deus quiser vai dar tudo certo.

    Abçs

    ResponderExcluir

Vai, comenta! Não dói nada!