4 de janeiro de 2011

Como foder a poesia brasileira (1)



Antes de tudo, queria mandar um parabéns 
para a querida leitora Fabiana Andrade (@ffabis)! 
Que fez aninhos e pediu pra gente mandar um abraço. 
Tá aqui o nosso super abraço imaginário.
Se você, leitor, quer um abraço, um beijo ou um aperto de mão aqui no nosso blog, 
mande um e-mail para contato@tpmsemanal.com.br





E aqui  segue o post de merda:




Fui-me embora de Pasárgada



Fui-me embora de Pasárgada
lá minha palavra era lei
acabei tendo problemas com bandidos
problemas para os quais caguei

Fui-me embora de Pasárgada
lá descobri a felicidade
o suposto cinema americano
e de Hebe a verdadeira idade

Fui-me embora de Pasárgada
lá tinha gente bonita para eu olhar
poeminha bonito pra eu ler
piadas finalmente boas para eu contar

Fui-me embora de Pasárgada
nada de pinça ou cera quente
cálculo ou chefe chato
também não precisa de absorvente

Fui-me embora de Pasárgada
lá tinha gente interessante com quem conversar
bebida interessante para beber
e homem interessante para quem (dar)

Fui-me embora de Pasárgada
lá fui amiga da viscondessa da Polinésia
lá, casaco de pele é proibido
o chique é ter amnésia

Fui-me embora de Pasárgada
lá os maridos têm freio, rédea e viseira
uma chavinha do lado esquerdo
pra desligar quando der canseira

Fui-me embora de Pasárgada
lá quem é louco
não é louco
e eu não quis rimar





SEU ENERGÚMENO, leia também: "Vou-me embora pra Pasárgada"
-procura no google, mané-
de Manuel Carneiro de Souza Bandeira Filho 
que nasceu no Recife e estaria fazendo 125 anos em 2011. 
(caso ele conhecesse o formol a fórmula da Hebe)







11 comentários inúteis:

  1. onde pelo amor de Zeuss fica Pasárgada???? quero ir pra lá!!!
    kkkk

    ResponderExcluir
  2. MANO, quando esse homem morreu, a Hebe já mentia a idade, carai. asuahsuahsa

    Ah mano, eu curti. Eu leria esse poema para meus professores de filosofia da faculdade de comunicação.
    HÁ! asuhaus

    ResponderExcluir
  3. assim q comecei a ler o post, fiquei sem entender o q o Manuel Carneiro de Souza poderia ter feito. mas eu rachei d rir muito com essa sua versão!! kkkkkkkk
    ficou mto bom!
    prefiro a sua Passargada q a dele. =P

    ResponderExcluir
  4. Obrigaaaaaaaaaada pelo parabéns *----------*

    ResponderExcluir
  5. kkkkkkkkkk
    adoreii essa versão!!

    =*

    ResponderExcluir

Vai, comenta! Não dói nada!